• as palavras caladad

As Palavras Caladas

A leitura de As Palavras Caladas, escrito na primeira pessoa, à maneira de um diário, permite-nos penetrar na intimidade de Maria de Nazaré, a mãe de Jesus, seguindo a sua evolução psicológica. A sua fé e a sua fragilidade, a sua simplicidade e a sua dor, o seu mistério e a sua proximidade quotidiana vão-se nos tornando cada vez mais familiares. Este cativante livro não é mais uma biografia da mãe de Jesus, é um poema escrito com delicadeza e ternura. Pelo seu teor espiritual e humano, esta narrativa comoverá quem, independentemente das suas crenças, quiser acercar-se das lembranças que Maria guardava no seu coração.

Vasco Pinto de Magalhães, s.j.